O banco de dados jurisprudenciais de um dos mais brilhantes escritórios de advocacia locatícia que havia sido aberto e revelado através de livro está agora disponível também em disquete e em CD

Artigo publicado na Revista Literária de Direito (pp. 18/19)
Data: Julho/Agosto de 1996
Autor: Waldir de Arruda Miranda Carneiro

Versão impressa:

AMA-digitalizado0103

AMA-digitalizado0104

AMA-digitalizado0098

AMA-digitalizado0099

AMA-digitalizado0100

AMA-digitalizado0101

Versão em texto:

O BANCO DE DADOS JURISPRUDENCIAIS DE UM DOS MAIS BRILHANTES ESCRITÓRIOS DE ADVOCACIA LOCATÍCIA QUE HAVIA SIDO ABERTO E REVELADO ATRAVÉS DE LIVRO ESTÁ AGORA DISPONÍVEL TAMBÉM EM DISQUETE E EM CD

Em livro tradicional, disquete ou CD, essa obra permite a consulta de julgados até pelo nome do juiz!

Maior facilidade do que essa só se você tiver tudo na ponta da língua!

Imagine só, você precisando fundamentar um recurso em ação inquilinária, cujo prazo corre celeremente, poder recorrer a uma fonte de consulta jurisprudencial que lhe permita conhecer, através de pesquisa rápida pelo nome do relator ou dos membros que compõem a câmara ou a turma que irão julgar a sua apelação, a opinião e o entendimento desses juristas sobre a matéria em pauta.

É vitória certa!

Ou então, em determinada audiência em que a parte contrária cita um acórdão e a fonte e você possa, de imediato, recorrendo ao volume que está em seu poder, procurar pelo índice no qual constam 30 fontes oficiais dos diversos Tribunais brasileiros, localizar a revista ou boletim citado, encontrar pelo número do acórdão e achar mencionado o número do artigo da lei em que o julgado estará reproduzido, permitindo, assim, em instantes, constatar a pertinência do que a parte opositora está afirmando.

Pois é. Essas são as vantagens inéditas que estão ao seu alcance nessa grandiosa obra, o Novo Repertório Jurisprudencial da Lei do Inquilinato, com a qual o Dr. Waldir de Arruda Miranda Carneiro contempla todos aqueles que, especializados ou não na matéria, atuam na advocacia locatícia.

Com cerca de 1.780 julgados selecionados e dispostos artigo por artigo da Lei n2 8.245/ 91, a Lei do Inquilinato, constitui, inegavelmente, a mais completa coletânea jurisprudencial sobre a matéria publicada atualmente no País.

E, como você pode constatar pelas peculiaridades que ressaltamos, não é o impressionante número de ementas e acórdãos coligidos que representa o ápice dessa publicação, e sim a facilidade de consulta que proporcionam os seus três índices: o índice alfabético-remissivo, o índice de revistas e o índice por relator.

O que aconteceu, na verdade, com essa obra foi que o seu autor, Dr. Waldir de Arruda Miranda Carneiro, advogado titular de um dos mais brilhantes escritórios especializados em advocacia locatícia do Brasil, resolveu revelar seus arquivos.

Esse imenso acervo jurisprudencial composto de 1. 780 decisões em perfeita sintonia com a lei vigente, organizado durante anos, e os instrumentos de consulta rápida e fácil que ele criou para atender ao dia-a-dia de seu escritório foram transformados em livro, tudo reunido num só magnífico livro, que possibilita sua utilização no escritório, em sua casa e, até, em audiências.

Trata-se, efetivamente, de um instrumento jurisprudencial moderno com o qual todo advogado que atua na área de locação de imóveis urbanos sempre sonhou.

Pela sua praticidade de consulta e qualidade do acervo, essa obra, o Novo Repertório Jurisprudencial da Lei do Inquilinato, sem nenhuma dúvida você encontrará na mesa de trabalho de muitos juízes e advogados.

Faça já o seu pedido e passe a contar, também, com essa importante ferramenta de trabalho. Sem ela a sua biblioteca jurídica está incompleta!

Agora, se você está sintonizado com a informática jurídica, nós temos uma grande novidade para lhe contar.

Imagine só todo esse fantástico acervo jurisprudencial sobre a Lei do Inquilinato e esses modernos dispositivos de acesso e pesquisa disponíveis em seu microcomputador. Temos certeza de que você, quando começou a ler sobre o Novo Repertório Jurisprudencial da Lei do Inquilinato representa para facilitar a sua vida profissional imediatamente pensou nisso.

Uma obra desse porte e dessa importância teria de ser informatizada e, para facilitar tudo, ar está ela em disquete 3Y2 e, também, em CD.

E, para utilizá-la, você não precisa ter nenhum equipamento sofisticado, não.

Basta que você tenha a partir de um microcomputador 386 DX 40 com o MS-Windows 3.1 instalado, um monitor de vídeo VGA, mesmo que seja monocromático, mouse e 1 megabyte de memória livre no winchester, para a versão em CD, ou 14 megabytes para versão em disquetes e isso é suficiente. Do mesmo jeitinho que se utiliza do livro tradicional, você irá usar a versão informatizada, seja em disquete 3Y2 ou em CD. O Manual de Instruções que acompanha o programa, elaborado de forma detalhada, permite a você instalar e utilizar, sem tropeços, no Windows 3. 1 ou 95, o Novo Repertório Jurisprudencial da Lei do Inquilinato – Livro Jurídico Informatizado em seu microcomputador.

Acionando o programa, a primeira tela que surgirá é a seguinte:

Vejamos, a seguir, os instrumentos de consulta que, do mesmo modo como acontece no livro tradicional, estão à sua disposição

Pressionando o botão OK ou a tecla ENTER, você terá a janela principal, da qual constará o artigo til da Lei n° 8.245191, a Lei do Inquilinato.

Essa é a consulta de julgados artigo por artigo. A partir dessa janela você poderá consultar o artigo que desejar e os julgados a ele pertinentes das formas a seguir.

Consulta por juízes

Para consultar um julgado sabendo-se o nome do juiz que o decidiu, basta clicar o botão JUÍZES e surgirá a seguinte tela:

Os números presentes no retângulo à direita representam os artigos e os julgados referentes ao juiz selecionado.

Consulta por revistas oficiais

É também possível localizar julgados sabendo- se a revista em que eles foram publicados. Para isso, basta clicar o botão REVISTAS que a janela surgirá assim:

Você escolhe o nome da revista oficial desejada e no retângulo abaixo aparecem: à esquerda o número da revista em questão e, quando for o caso, seguido do número da página; e, à direita, o artigo e o julgado.

Consulta por assunto

Além da pesquisa por artigos, por juízes e por revistas, há, ainda, a possibilidade da consulta por assunto. Existe, no programa, o índice alfabético – o mesmo que consta do livro – desenvolvido para auxiliar a busca por determinado assunto em particular, com a vantagem de poder ser usado de forma interativa, ou seja, clicando no próprio texto do índice, caminharemos, automaticamente, para o artigo e para o julgado relativo ao assunto Para utilizar-se desse índice, você deverá pressionar o botão ALFABÉTICO-REMISSIVO, que está presente na tela principal do programa, e surgirá a seguinte janela:

Textos complementares

Na barra de comandos da janela principal há uma opção denominada APÊNDICE. Clicando com o mouse nessa opção, surgirá uma cortina como aparece abaixo:

Essa cortina exibe uma série de textos complementares relativos à Lei do Inquilinato como: legislação anterior, medidas provisórias, súmulas, abreviaturas, bibliografia e outros textos auxiliares. Digamos que o item desejado seja Código Civil. Clicando-se sobre ele, surgirá na tela:

Em qualquer das hipóteses apresentadas, o texto que surge em seu monitor poderá simplesmente ser lido ou impresso – seja a sua impressora matricial, jato de tinta ou laser – ou, se você quiser, selecionado e transferido para o editor de textos que você está acostumado a utilizar para a redação de suas petições e outras peças jurídicas. Se a informática jurídica faz parte do seu cotidiano, adquira, imediatamente, o seu Novo Repertório Jurisprudencial da Lei do Inquilinato – Livro Jurídico Informatizado e passe a desfrutar as facilidades que essa moderna técnica lhe proporciona. Com essa obra, na versão informatizada ou como livro tradicional, seja qual for a questão inquilinária que se lhe apresente você vai tirar de letra!

Agora o preço: o livro tradicional custa somente R$ 186,50 à vista, e a versão informatizada, em 4 disquetes 3 ou em CD, custa à vista R$ 198,00. Mas, se preferir, você poderá adquiri-los pagando a prazo em 3, 5 e, em certos casos, até em 9 parcelas mensais fixas.

Veja, na última página desta revista, os detalhes para você efetuar sua compra sem nem precisar arredar o pé de sua casa.

155 total views, 1 views today

Esta entrada foi publicada em Publicações, Artigos, Livros, Waldir de Arruda Miranda Carneiro, Novo Repertório Jurisprudencial da Lei do Inquilinato. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta