Perturbações sonoras – Efeitos nocivos (1)

“Conforme registra Waldir de Arruda Miranda Carneiro, ‘diversos estudos já comprovaram que os ruídos são responsáveis por inúmeros problemas, como a redução da capacidade de comunicação e de memorização, perda ou diminuição da audição e do sono, envelhecimento prematuro, distúrbios neurológicos, cardíacos, circulatórios, gástricos, etc.’ (Pertubações Sonoras nas Edificações Urbanas, 3ª edição, ed. RT, 2004, pág. 04)” (proc. 0003194-08.2012.8.26.0642, São Paulo sentença, Juiz Geraldo Fernandes Ribeiro do Vale, j. 20/05/2014).

Íntegra da sentença: Clique aqui

Something Wrong while submiting form.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.